Procedimentos de prevenção, controlo e vigilância.

Estimados clientes

Em situação de epidemia por doença infeciosa, os objetivos principais das medidas de saúde pública (ou não farmacológicas) são reduzir o risco de transmissão individual e de propagação do agente na população, podendo atrasar o pico da epidemia e reduzir o número total de casos, o número de casos graves e o número de óbitos. A redução do número de casos e da sua gravidade terá um impacto positivo considerável nos serviços de saúde, permitindo aliviar a carga e otimizar a sua utilização. Numa fase inicial da epidemia as medidas de saúde pública podem também contribuir para evitar a entrada/introdução do agente patogénico numa determinada população.

Dito isto e tendo em conta o surto epidemiológico que o nosso país esta a atravessar e com a atual dimensão da propagação da COVID-19, a Gravimeta vê-se “obrigada” a seguir a “Orientação” da DGS (006/2020 de 26/02/2020).

A Gravimeta, irá seguir escrupulosamente a dinâmica dessa mesma orientação por parte da DGS. Neste quadro, teremos também que respeitar as medidas que os nossos Clientes e Fornecedores tenham tomado ou venham a tomar. Assim a Gravimeta é responsável por organizar internamente os Serviços de Saúde e Segurança do Trabalho (SST), de acordo com o estabelecido no “Regime jurídico da promoção da segurança e saúde no trabalho” (Lei n.º 102/2009).

É obrigação da Gravimeta assegurar aos seus colaboradores condições de segurança e de saúde de forma continuada e permanente, tendo em conta os princípios gerais de prevenção.

As prescrições mínimas de proteção da segurança e da saúde dos nossos Colaboradores contra os riscos da exposição a agentes biológicos no contexto de trabalho estão estabelecidas no Decreto-Lei n.º 84/97.

A «Orientação» acima descreve as principais etapas que as empresas devem considerar para estabelecer um Plano de Contingência no âmbito da infeção pelo novo Coronavírus SARS-CoV-2, agente causal da COVID-19, assim como os procedimentos a adotar perante um Trabalhador com sintomas desta mesma infeção.

Esta Orientação pode ser atualizada a qualquer momento, tendo em conta a evolução do quadro epidemiológico da COVID-19.

As situações não previstas nesta Orientação devem ser avaliadas caso a caso.

Finalmente e em consequência do quadro acima descrito informamos que a partir de hoje, parte dos colaboradores da Gravimeta exercerão as respetivas funções em regime de teletrabalho.

A entrega de encomendas como sabem não depende exclusivamente de nós, mas também dos nossos fornecedores, assim como da mobilidade dos transportadores. Por este motivo os «timings» habituais poderão sofrer alterações pelo que sugerimos aos nossos Clientes, que antecipem as ordens de compra futuras, relativamente aos equipamentos e no que aos consumíveis diz respeito, um incremento dos stocks de segurança.

Quanto ás visitas a clientes teremos que analisar caso a caso, mesmo tratando-se de visitas dos nossos colegas do Dept. de Assistência Técnica.

A Gravimeta agradece a compreensão de todos!

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!